Sexta-feira, 14 de Dezembro de 2018
Telefone: (54) 3381.1550
Curta nossa página no Facebook:
Clique para Ouvir
30°
21°
22°C
Soledade/RS
Noite limpa
Ao Vivo:
Geral

Disseminação do Sarampo no Brasil exige atenção

Coordenadora da Vigilância Epidemiológica de Soledade Marina Piovesan ressalta a importância de se vacinar
Disseminação do Sarampo no Brasil exige atenção
20.07.2018 10h29  /  Postado por: Departamento de Jornalismo

Infelizmente a situação epidemiológica no Brasil em relação ao sarampo não é agradável. Os números mostram que a disseminação iniciada na Europa, segue nas Américas e já em alguns Estados do Brasil, inclusive com mortes, assim como ressalta a Enfermeira Coordenadora da Vigilância Epidemiológica de Soledade Marina Piovesan. Marina informa que a propagação ocorre por meio da importação da doença, ou seja, pessoas viajam para fora do Brasil em países não imunizados, se contaminam e trazem para cá o vírus.

No Rio Grande do Sul até o momento foram confirmados 7 casos de sarampo, sendo uma criança de um ano, não vacinada residente em São Luiz Gonzaga e que viajou para a Europa quando trouxe para o estado a doença. 5 casos registrados em Porto Alegre e um em Vacaria.

Por conclusão, Piovesan enfatiza a vacinação para crianças e adultos, desmentindo algumas informações desencontradas que circulam pelas redes sociais. Crianças com ano de idade realizam uma dose de vacina contra sarampo, caxumba e rubéola e com 15 meses a tetra viral a qual também protege contra o sarampo. Pessoas com até 29 anos devem possuir duas doses da tríplice e de 30 a 49 anos uma dose.

 

 

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.