Sexta-feira, 14 de Dezembro de 2018
Telefone: (54) 3381.1550
Curta nossa página no Facebook:
Clique para Ouvir
30°
21°
22°C
Soledade/RS
Noite clara
Ao Vivo:
Cultura e Turismo

GAN Vaqueanos da Cultura entra com liminar na justiça para tentar garantir vaga na final do ENART

GAN Vaqueanos da Cultura entra com liminar na justiça para tentar garantir vaga na final do ENART
26.10.2016 16h53  /  Postado por: upside

O Grupo de Artes Nativas Vaqueanos da Cultura, de Soledade, ingressou na justiça com pedido de liminar devido a desclassificação para o ENART em etapa inter-regional disputada no último final de semana em Marau. Além do Vaqueanos da Cultura, a invernada do CTG Marciano Brum também foi desclassificada. 
Tal caso se dá em virtude de um integrante de suma importância não estar inscrito: o gaiteiro. Conforme o patrão da entidade, Daniel Teló do Prado, é obrigatoriedade da região apresentar dois músicos, e como um dos integrantes do GAN não estava inscrito, houve a desclassificação dos dois grupos.
A entidade alega que enviou à coordenação da 14ª Região Tradicionalista, em 25 de julho, a lista com todos os componentes do grupo e afirma que a prova que isso foi enviado, é que todos os demais integrantes estavam inscritos no dia da inter-regional, com exceção do gaiteiro e de uma dançarina. Alguns integrantes da invernada do CTG Marciano Brum também não estavam na lista.
A entidade entrou com uma liminar junto ao poder judiciário para reaver a vaga, pois mesmo se apresentando “desfalcado” o grupo obteve nota que garantiria uma vaga na final. “Acho difícil que o MTG volte atrás, mas vamos tentar” afirma Daniel.
Ele ainda disse que após o ocorrido apenas teve uma conversa com o coordenador regional, porém não muito amigável, e afirmou ainda esperar um posicionamento oficial sobre o caso. “Já perdemos diversos rodeios, por erros nossos, mas desta vez sabemos que o erro não foi nosso e queremos que isso seja esclarecido, pois temos certeza que as entidades de Soledade são organizadas mas quem está desorganizada é a 14ª” pontuou.
O patrão do GAN Vaqueanos da Cultura ainda fez duras críticas ao coordenador da 14ª RT, dizendo que há um certo tempo que a área artística não recebe apoio e que há um nítido distanciamento. “Já não represento mais a 14ª, não tenho medo de punição, mas não represento mais a região enquanto estas mesmas pessoas estiverem no comando da 14ª.” finalizou.
CONTRAPONTO: A reportagem procurou, via telefone, o coordenador da 14ª Região Tradicionalista, o qual informou que ainda não irá se manifestar sobre o caso. 
OUÇA A ENTREVISTA COMPLETA NO PLAYER ACIMA

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.